🌎 Essa tal de Copa do Mundo…

PATROCINADO POR

🌎 Essa tal de Copa do Mundo…

🍺 Hoje, a Copa do Mundo me obrigou a beber... beber de ódio!

🛋️ banco

Essa terceira rodada da fase de grupos mostrou porque os reservas são reservas e os titulares, os protagonistas.


🇧🇷😞 Até tu, Brasil?

📸 BBC Africa/Divulgação

O Brasil foi a campo contra Camarões já classificado e, seguindo a lógica das seleções que foram a campo na mesma situação, a Seleção entrou só com reservas e adivinha? Perdeu, assim como as outras, por 1 a 0 na primeira vitória de uma seleção africana sobre a brasileira.

Ah… essa Copa do Mundo, viu?


🤫 11 reservas e um segredo

Tite cumpriu o que era esperado hoje. Brasil em campo cheio de reservas contra Camarões. Para alguns nomes, poderia ser uma passagem de ida para a titularidade; para outros, uma um gostinho do que é a Copa do Mundo.

O lado que gerou mais curiosidade, por incrível que pareça, não foi pela entrada de algum novato, como Anthony, Martinelli, ou até mesmo Rodrygo, mas sim, como seria a lateral direita com o tão massacrado Daniel Alves, um veterano de 39 anos, que destoou na convocação?

Para Camarões, por outro lado, a vitória era tudo ou nada e ainda torcia para uma vitória da Sérvia frente à Suíça para tentar a classificação no saldo de gols. Então, nada de reservas para o jogo.


Primeiro tempo de oportunidades perdidas

O primeiro tempo entre Brasil e Camarões foi desenhado como se esperava: Brasil atacando e Camarões esperando para o contra-ataque. Só nos primeiros 45 minutos, foram dez finalizações brasileiras contra somente uma da equipe de Camarões! 

No entanto, só 3 foram ao alvo e 6 completamente erradas. Quem se destacou nas finalizações foram Gabriel Martinelli e Antony, que foram bem incisivos na partida de hoje. Apesar de Camarões não ter feito muitas finalizações, o time tentava explorar o lado direito brasileiro, muitas vezes colocando Dani Alves em apuros.

Em uma delas, o cruzamento na área e na cabeçada, Ederson faz grande defesa e fim da etapa inicial.


🥅⚽️ Quem não faz, leva

Se no primeiro tempo, o Brasil chutou 10 vezes na meta de Camarões, no segundo, a aposta foi um pouco maior. 11 chutes. A assertividade, não muito, 4 no gol. Exigindo bastante do goleiro Epassy. Hoje, não era dia dos atacantes brasileiros, Gabriel Jesus saiu para a entrada de Pedro com apenas uma finalização pra fora. Pouco para um centroavante brasileiro.

Além disso, não era dia para Alex Telles, que ao subir para cabecear uma bola na defesa, caiu de mal jeito e se contundiu e saiu chorando bastante do campo. Uma pena! Em seu lugar, entrou Marquinhos, que mostrou que além de ser um grande zagueiro, sabe jogar pela lateral, sem comprometer. 

Tite deu chances também para Everton Ribeiro e Bruno Guimarães nos lugares de Fred e Rodrygo. Com as alterações e um ainda mais desentrosado, os espaços apareceram, principalmente nos toques errados do meio-de-campo. Com isso, Aboubakar era o atacante mais perigoso da Seleção Camaronesa que insistia no contra-ataque. Bruno Guimarães abusou na arte desperdiçar lances de perigo dentro da grande área. Selou, merecidamente, o seu lugar no banco de reservas para Paquetá.

Foram muitos erros. Até que num lance pela esquerda, Mbekeli cruza e Aboubakar entre Bremer e Eder Militão faz o gol de cabeça, sem chances para Ederson, nos acréscimos. Era o castigo para o Brasil que teimou em errar nas finalizações. 

Placar final: 1 a 0 Camarões, na primeira vitória da história da equipe frente à seleção canarinho, que quase viu seu primeiro lugar ir para o ralo, pois a Suíça venceu a Sérvia por 3 a 2 e caso ampliasse, ela superaria o Brasil no saldo. 

Com o resultado, Camarões apesar de ter vencido, não foi às eliminatórias, mas ao menos terá uma história incrível para contar ao seu povo.


Essa é a copa dos Azarões e desenho das oitavas

Não foi só o Brasil que perdeu, outras seleções tradicionais e campeãs mundiais ora perderam ou já carimbaram o passaporte de volta. Caso do Uruguai, que apesar de ter vencido Gana por 2 a 0 com a artilharia de De Arrascaeta, já pegou as malas e embarcou para a América do Sul

O Curioso deste jogo é que no primeiro tempo, Gana desperdiçou um pênalti, da mesma forma como ocorreu em 2010. A Celeste foi pra cima e ganhou facilmente o jogo. Até aquele momento, estava tudo bem, já que Portugal estava empatando com a Coreia em 1 a 1

Mas, nos acréscimos do jogo, a Coreia vira sobre o time de Cristiano Ronaldo e se classifica, tirando o Uruguai das oitavas de final. Um fim triste, mas justo. Quem mandou colocar Arrascaeta só no último jogo, hein, Diego Alonso?


🇯🇵 Vitória do Japão e Maldição do 7 a 1

Um final surpreendente foi o do grupo da Alemanha e Espanha. As duas tidas como favoritas pegaram os azarões. A seleção alemã foi decidir o tudo ou nada contra a Costa Rica e a Fúria jogou contra o Japão que precisava vencer de qualquer jeito a partida.

O time de Luis Enrique foi pacientemente tocando a bola para passar o muro japonês, até num cruzamento de Azpilicueta achar Álvaro Morata para abrir o placar. Os japoneses mantiveram a estratégia de jogar no contra-ataque. E deu certo. 

No segundo tempo, logo aos 48, Ritsu Doan empatou e 3 minutos depois, um lance polêmico: Tanaka fez o gol da virada, mas o VAR checou se a bola no cruzamento saiu ou não da divisa da linha de fundo. 

O lance foi ajustado, e o VAR confirmou o gol e a vitória japonesa. Isso bagunçava o grupo E, que tinha os japoneses como líderes e a Espanha passando em segundo, com riscos de ser eliminada pela Costa Rica caso ganhasse da Alemanha. E, pasmem, isso quase aconteceu.

Por 3 minutos, a Costa Rica, que saiu perdendo, virou sobre a Alemanha num gol bizarro contra do goleiro Neuer. Com a combinação de resultados, a vitória dos azarões desbancava Espanha e Alemanha de uma só vez. Só que os alemães empataram, viraram e ampliaram o marcador para 4 a 2.

No entanto, a tetracampeã mundial precisava ultrapassar o saldo gigantesco da Espanha para ficar em segundo lugar. A Alemanha tinha que fazer 6 gols de saldo. Que pena…


🇲🇦 Marrocos faz história e 🇭🇷 Croácia fica em segundo

No grupo F, o azarão Marrocos fez história e se classificou pela segunda vez na história para a fase eliminatória da Copa do Mundo. Ao vencer a fraquíssima seleção do Canadá por 2 a 1, a equipe de Ziyech e Hakimi confirmou a primeira colocação do grupo, deixando a batata quente no confronto entre Bélgica e Croácia.

Se o time de De Bruyne e Lukaku precisava vencer a qualquer custo, a Croácia de Modric, Brozovic e companhia jogava por 2 resultados. Prevaleceu mais uma vez a defesa frente aos atacantes e desta vez, o chocolate belga ficou velho e endurecido. Mais um 0 a 0 e a Bélgica, que eliminou o Brasil na última copa, deu adeus na fase de grupos.

Com os últimos jogos da fase de grupos, o chaveamento ficou assim ficaram assim:


⚽ jogos da copa

Sábado

📺 Holanda x EUA – 12h – Globo/Globoplay/Sportv/Fifa+

📺 Argentina x Austrália – 16h – Globo/Globoplay/Sportv/Fifa+

Domingo

📺 França x Polônia – 12h – Globo/Globoplay/Sportv/Fifa+

📺 Senegal x Inglaterra – 16h – Globo/Globoplay/Sportv/Fifa+


⏱️ acréscimos

🤣 Aí forçou a barra kkkk! Rafael Van Der Vaart faz duras críticas ao zagueiro Süle, da Alemanha. “Maguire alemão”.

📝Quem foi o melhor, quem foi a decepção? Veja o balanço geral da fase de grupos da Copa do Catar

😆É mesmo? Espero que piore! Hansi Flick e Schweinsteiger tem boa discussão após queda da Alemanha na fase de grupos.


🏁 até domingo

Não importa se é final ou meio de semana, se é segunda ou domingo, se o campo é de terra batida ou se o gramado da realeza é verde. Aqui no OLÉ FC, respiramos futebol e você está convidadíssimo para saber o que está rolando de mais interessante no planeta bola.

Se gostou deste email, mande para aquele seu parça de pelada que não perde um jogo por nada nesta vida. Ah e sempre que tiver uma sugestão, pode mandar para a gente incluir, tudo bem?

Somos pontuais e chegamos a sua carta de entrada por volta das 11:11 das segundas e sextas. Caso o nosso conteúdo tenha dado aquele famoso drible da vaca, confira na sua caixa de spam e/ou promoções sempre que não nos encontrar na caixa de entrada.


Publicado originalmente em https://br.ole.football em 2 de Dezembro, 2022.

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit.

Todos os dias, às 11:11 no seu email

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit.

Todos os dias, às 11:11 no seu email

⚽ Vai ficar tudo para o jogo de volta

Fluminense e Internacional fizeram um jogo eletrizante e cheio de reviravoltas na ida, Palmeiras se segurou na Bombonera e Messi não consegue seu título na Copa dos EUA pelo Inter Miami.

Segundas e quartas,
às 11:11 no seu email

Times Nacionais

Times Internacionais

OLÉ FC